Sobre nomes, memórias e livros

A recepcionista simpática das lojas Renner, no BH Shopping, se chama Consuelita. Eu li porque precisei perguntar onde era o atendimento ao cliente. Veio, imediatamente, uma espécie de nostalgia. Me lembrei de um livro de José de Alencar, onde uma Consuelita era maldosamente perseguida por uma outra personagem.

Nomes são como perfumes, eles tem origem, história, tempo e espaço. Nomes antigos remetem ao tempo que a gente escrevia cartas longas, detalhadas, minuciosas. Tempo que as pessoas faziam sonetos, poemas. Que as pessoas demoravam para se encontrar. Tempo onde uma carta demorava um mês para chegar, e outro para voltar.

Onde estarão as Consuelitas, Hermengardas, Lucíolas,  Iracemas, Iolandas, Veridianas, Domenicas, Aristotelinas, Domitilas… em qual cidade podemos encontrar as Escolásticas, Henriquetas, Helgas, Marinetes, Risoletas, Valdirenes, Semíramis… ou mesmo as Isoldas, Josetes, Marcilenes, as Genovevas, as Generosas e até as Afonsinas…

Os nomes antigos, que hoje provocam gracejos, já estiveram na moda, algum dia. Mas acontece que nome não é uma coisa descartável. Nome se leva para a vida inteira e fica ali, cravado na pessoa, mesmo que ela, a Jovelina, se pareça com uma Cláudia. Os nomes do mundo literário são estigmas. Quem não associa Iracema, de José de Alencar, aos lábios de mel? E quem se atreve a dar o nome de Capitu a sua filha, sem lembrar da traição de Bentinho ou mesmo aos famosos “olhos de ressaca”?

Como as Julietas conseguem escapar da sua mais famosa referência, a Julieta Capuleto, que se matou por amor em texto de William Shakespeare? Ou jogue o primeiro livro uma Alice que me ouve e não foi convidada a ir ao País das Maravilhas, com direito a coelho ansioso com despertador?

Este Mondolivro faz uma homenagem a todas as mulheres que tem nomes antigos no Brasil e do mundo. Seus nomes podem provocar curiosidade e estranheza. Mas são nomes como diamantes: eternos, e inspiradores.

Na Fernanda Cândido em uma das mais icônicas encarnações de Capitu

MondoLivro - Boletim literário na Rádio CBN

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s